Semana Nacional de Trânsito

Digital image

Semana Nacional de Trânsito

Em comemoração à semana nacional de transito foi feita em Patos de Minas hoje 18/07/2008 a caminhada pela paz no trânsito coordenada pela Polícia Militar com a participação de escolares, professores, pessoas da comunidade, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil e SAMU. ( O SAMU de Patos de Minas é terceirizado e gerenciado pela CONSERBRAS ).

A caminhada começou na praça da rodoviária e terminou no entroncamento da Av. Fátima Porto com a Av. JK onde foi realizado uma simulação de atendimento a acidentados. O acidente envolveu um automóvel que bateu em um poste ficando com uma vítima encarcerada em bom estado geral e uma motocicleta que catapultou seu condutor a cinco metros de distancia provocando-lhe trauma craniano leve, trauma torácico de moderado/grave e fratura exposta de tíbia e fíbula.

O simulado, narrado pela Polícia Militar, teve inicio com a chegada da ROTAM que tomou conhecimento da situação, sinalizou e enviou chamado para o SAMU-192 este após a identificação da gravidade do caso enviou a unidade avançada ( A unidade avançada conta com aparelhos de uma UTI Móvel, um Médico, um Enfermeiro, um Condutor treinado em atendimentos, eventualmente com estagiário de enfermagem de nível superior o que foi o caso hoje ) A equipe do SAMU fez o atendimento à vítima dentro dos padrões SAMU ( Suporte Avançado de Vida).

Os danos causados ao paciente foram apresentados pela Dra Maria de Fátima Braz, DD Coordenadora do Serviço de Urgência e Emergência Pré-hospitalar de Patos de Minas e o atendimento foi narrado pela equipe do SAMU Com Avaliação do estado de consciência, proteção de coluna cervical, avaliação de vias aéreas, do padrão circulatório, instalação de tubo orotraqueal, imobilização do membro que apresentava fratura exposta e remoção para hospital. Em seguida houve o desencarceramento da vítima do carro, esta em melhor estado apenas com traumas leves, efetuado pela equipe de Bombeiros Militar de Patos de Minas, demonstrando agilidade e conhecimento técnico operacional, liberando a vítima sem danos adicionais que poderia ocorrer se fosse retirada por pessoas sem o devido treinamento. Logo após houve a participação da Polícia Civil que fez a perícia do acidente.

As pessoas participantes da passeata e outros que chegaram se aglomeraram ao redor das faixas de sinalização assistiram atentamente e se manifestaram com palmas e palavras de incentivo durante toda a apresentação do atendimento simulado.

Foi uma manifestação educativa e demonstração de trabalho do corpo de atendimento pré-hospitalar de Patos de Minas que sempre atuou de forma coesa e uníssona em prol da população local.